Novidades
Acessibilidade A+ A- C

Iniciada novas obras do Complexo Jacu-Pêssego

Com objetivo de contribuir e propiciar mais segurança para a população da região, a DERSA cedeu para a Polícia Militar as edificações utilizadas durante a gestão do empreendimento

População e motoristas serão beneficiados com instalação de uma companhia da PM ao lado das pistas, no Jardim da Conquista, zona leste da capital

O governador Geraldo Alckmin acompanhou nesta terça-feira, 15 de março, o início da segunda fase da obras do Complexo Jacu-Pêssego, estimadas em R$ 87,5 milhões, na divisa entre a zona leste de São Paulo e a cidade de Mauá. As pistas farão a ligação entre o Trecho Sul do Rodoanel e a zona leste da capital e as obras devem durar seis meses.

Com objetivo de contribuir e propiciar mais segurança para a população da região, a DERSA cedeu para a Polícia Militar as edificações utilizadas durante a gestão do empreendimento. No imóvel será instalada a sede de uma companhia da PM. Estrategicamente localizada, a futura base permitirá à polícia acesso direto à Avenida Jacu-Pêssego. Ficará a cerca de 700 metros do viaduto Pedro Medeiros, no Jardim da Conquista.

Os contratos das obras foram readequados pela DERSA com as construtoras no mês passado. Com o procedimento, os custos caíram de R$ 102,6 milhões para R$ 87,5 milhões. Ou seja, foi obtida uma economia de R$ 15,1 milhões do Tesouro do Estado, o equivalente a uma redução de aproximadamente 15% do orçado antes.

As intervenções previstas nessa etapa são a construção de 4,5 km de via marginal à Avenida Jacu-Pêssego nos bairros Jardim Vitória, Jardim da Conquista e Jardim Paulistano, na zona leste da capital; a conclusão do trevo de acesso à Avenida João Ramalho, em Mauá; e a construção de retorno na Avenida Papa João XXIII, antes do Rodoanel, também em Mauá.

Além disso, a revisão resultou em mais benefícios para quem irá trafegar por ali. Foi incluída na marginal da Jacu-Pêssego a construção de um trecho de 500 metros a partir do viaduto Pedro Medeiros, na altura do Jardim Manoel do Vale, na capital. Com isso, será aberto acesso da marginal à Avenida Sapopemba, o que não constava do traçado original.

Serão diretamente beneficiados com as obras os bairros Iguatemi, Carrãozinho, Jardim Vitória, Jardim da Conquista, Jardim Paulistano e Jardim Manoel do Vale, na zona leste da capital, além do município de Mauá.