Rodoanel Norte promove casamento comunitário no Dia de Santo Antônio

A DERSA e a Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, por meio do Centro de Integração da Cidadania (CIC), promovem no próximo dia 13, sábado, mais um casamento comunitário para moradores de áreas próximas ao Rodoanel Norte

Cerimônia, dia 13 de junho, unirá 35 casais de moradores de bairros próximos ao empreendimento

São Paulo, 9 de junho de 2015 - A DERSA e a Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, por meio do Centro de Integração da Cidadania (CIC), promovem no próximo dia 13, sábado, mais um casamento comunitário para moradores de áreas próximas ao Rodoanel Norte. Esta edição beneficiará casais dos bairros Jardim Brasil Novo e Jardim Corisco, zona norte de São Paulo. O objetivo da iniciativa é oficializar a união civil dos casais. O evento será gratuito aos participantes.  A cerimônia será realizada às 13h, no CIC, Rua Ari da Rocha Miranda, 36, Jova Rural, Jaçanã.


São 35 casais, residentes nas áreas lindeiras do Rodoanel Norte, entre eles os aposentados Amália Chan da Silva, 61, e Nouirton Lima da Silva, 61. Juntos há 31 anos, construíram uma história inusitada. Embora tenham se separado no papel depois de 25 anos casados, eles não suportaram a distância e decidiram restabelecer a relação logo em seguida à separação. "A gente é muito apaixonado um pelo outro”, diz Amália, “não deu para viver cada um para um lado".

Leandro Quinto Barbosa, 23, que trabalha como porteiro, e Tainá Porto Monteiro, 18, também estão entre os noivos. "Nós nos conhecemos há três anos e já faz um ano que estamos morando juntos", conta Tainá. Ela soube do casamento comunitário por meio da avó. "Como não temos condições de pagar pela documentação, essa foi uma ótima solução", diz a noiva.

O casamento, celebrado por um juiz de paz, será acompanhado por cerca de 280 convidados, entre familiares e amigos dos noivos. O evento terá a apresentação da Banda da Fábrica de Cultura do Jaçanã, espaço para crianças, fotógrafo e bolo.

As inscrições foram abertas em 23 de fevereiro e encerradas em 15 de maio. Para orientar os noivos sobre a documentação necessária, a DERSA disponibilizou o atendimento das equipes dos três Plantões Sociais instalados nas proximidades do empreendimento, que visam tirar dúvidas das comunidades sobre a obra e acompanhar as demandas da população.

O casamento comunitário faz parte do Programa de Apoio Social e Desenvolvimento Comunitário da DERSA, que tem o objetivo de contribuir na melhoria da qualidade vida das famílias do entorno do Rodoanel Norte.

Este será o segundo casamento promovido para moradores das regiões próximas ao empreendimento. O primeiro evento foi realizado em junho de 2014 para 18 casais de Taipas, Jardim Paraná e Jardim Damasceno, em São Paulo. Entre os noivos, estavam Catiana Silva do Nascimento, 36, e Valeriano Rodrigues Pereira Sobrinho, 38. O casal morou junto por 14 anos e, de acordo com a noiva, responsável pelo pedido de casamento, oficializar a união foi a realização de um sonho. "Passei pelo Plantão Social do Rodoanel Norte, vi a faixa do Casamento Comunitário e nos inscrevi. Quando cheguei em casa contei para o Valeriano que iríamos nos casar, eu que o pedi em casamento", conta.
Beneficiados pelo Programa de Reassentamento da DERSA, marido e mulher receberão em breve uma das unidades habitacionais oferecidas às famílias que residem ou exercem atividades comerciais na área do empreendimento e que não possuem título de propriedade do terreno. Para este ano estão previstos mais dois eventos que beneficiarão as populações das regiões de Taipas, em São Paulo, e Cabuçu, em Guarulhos.

Sobre o Rodoanel Norte

O Rodoanel Norte é a maior obra rodoviária financiada pelo BID no mundo. A rodovia terá 44 km de extensão e interligará os trechos Oeste e Leste do Rodoanel. Tem início na confluência com a Avenida Raimundo Pereira Magalhães, antiga estrada Campinas/São Paulo (SP-332), e termina na intersecção com a rodovia Presidente Dutra (BR-116). O trecho prevê acesso à rodovia Fernão Dias (BR-381), além de uma ligação exclusiva de 3,6 km para o Aeroporto Internacional de Guarulhos.
 
Com sua construção, o tráfego de passagem, sobretudo o de caminhões, será distribuído e desviado para o entorno da Região Metropolitana de São Paulo, melhorando o fluxo nas marginais e, consequentemente, o trânsito dos veículos de transporte coletivo. Estima-se redução de 23% do VDM (volume diário médio) de caminhões na marginal Tietê, o que representa uma diminuição de 17 mil caminhões por dia após a conclusão da obra.

Casamento Comunitário

Data: 13 de junho de 2015 (sábado)

Horário: 13h

Local: Rua Ari da Rocha Miranda, 36 - Jova Rural, Jaçanã