Investimentos de R$ 2,8 mi garantem duas embarcações renovadas para a Travessia Cananéia/Ilha Comprida

Mais um ferryboat chega para reforçar a Travessia Cananéia/Ilha Comprida

Dersa entrega mais um ferryboat reformado com recursos do Governo do Estado de São Paulo

São Paulo, 8 de março de 2016 – Mais um ferryboat chega para reforçar a Travessia Cananéia/Ilha Comprida. Depois de cinco meses afastado da operação para uma reforma completa, o FB-Bacharel acaba de ser disponibilizado pela DERSA – Desenvolvimento Rodoviário S/A. O investimento foi de R$ 1,2 milhão. Na semana passada, a mesma travessia já tinha recebido o FB-16, também inteiramente modernizado com recursos da ordem de R$ 1,6 milhão.

Os investimentos nas duas embarcações, que chegaram a R$ 2,8 milhões, fazem parte do Programa de Modernização das Travessias Litorâneas, iniciado em 2011. Desde então, o Governo Paulista aplicou mais de R$ 270 milhões, o que resultou num aumento de 30% na capacidade operacional de todo o sistema.

A DERSA, que administra as Travessias Litorâneas do Estado de São Paulo, providenciou a remodelação de toda a estrutura da embarcação, incluindo a parte elétrica, motores e reversores. Os equipamentos de salvatagem foram substituídos, e o ferryboat, com capacidade para 12 veículos e 100 passageiros, ganhou novo visual: o antigo amarelo deu lugar ao branco, com grafismos em azul e cinza.

O FB-Bacharel conta com assentos reservados para idosos e deficientes, em cumprimento às normas de acessibilidade da Marinha, dentro das especificações do Inmetro.

A Travessia Cananéia/Ilha Comprida tem como característica principal a grande procura nos fins de semana e feriados, sendo utilizada, principalmente, por turistas que buscam as praias de Ilha Comprida e suas belezas naturais. Além do FB-Bacharel, a travessia conta com o FB-12, para 28 veículos, e com o FB-16, para 15 veículos. Atualmente, a capacidade operacional da travessia é de 165 veículos por hora em cada sentido. O tempo de deslocamento é de no máximo 10 minutos. Os valores das tarifas podem ser consultados no site www.dersa.sp.gov.br.